Assim como no Bug do Milênio, a LGPD é oportunidade para melhorar processos

Fernando Nery —

Sua organização já pensou como será fazer negócios a partir de setembro de 2020?

Amigos,

Uma analogia que fiz entre a LGPD e o bug do milênio em artigo recente (https://www.linkedin.com/pulse/lgpd-e-o-neg%C3%B3cio-fernando-nery/) gerou comentários e concordâncias, em especial do amigo Fernando Fonseca que já tinha destacado esta analogia. Nesta comparação há uma semelhança clara que é a aplicação em todos os tipos de organização, mas também uma grande diferença: o dia 1 de janeiro de 2000 foi o fim do bug do milênio, na primeira semana do ano já era vida nova e ninguém mais falava no assunto. Agosto de 2020 marca o início da era da privacidade digital no Brasil, todas as organizações precisarão estar prontas para novos tempos de preservação da privacidade e proteção de dados pessoais, o que influenciará além de bancos de dados, sistemas e serviços web, a forma de fazer negócios (as unidades de negócio estão sabendo disso? – este pode ser o maior perigo!).

Grandes lembranças de 31/12/1999, sem smartphones nem redes sociais – que só surgiram oito anos depois, junto com os amigos Nelson Correa e André Fucs (caros, lembram quem mais estava conosco?), organizamos um centro de operações para monitorar os sistemas no Brasil e as viradas de ano a partir da Oceania, e a partir daí emitir alertas e relatórios aos clientes. Naquele dia um Google Translator ajudaria bastante pois as informações de melhor qualidade começaram a chegar em japonês, chinês e russo 🙂 …

O limão virou limonada (ou a caipirinha do reveillon) – investir para ficar igual?

Na época do bug do milênio havia a ameaça de investir muitos recursos humanos e financeiros para no fim das contas ficar tudo igual, ou seja, verificar bancos de dados e códigos-fonte para continuar com os mesmos sistemas e recursos. Muitas organizações aproveitaram a necessidade de correções para fazer mudanças e foi quando os ERPs cresceram. Já que o investimento é obrigatório, que tal pensar em atualizar os sistemas? Foi quando muitas organizações substituíram seus sistemas antigos, sem integração e com potencial problema na virada do ano, por sistemas novos e integrados, os ERPs. Quem pensou fora da caixa deu um passo a mais e começou 2000 com sistemas modernos de melhor performance, enquanto alguns concorrentes ficaram para trás.

Temos a mesma oportunidade hoje?

Conforme a ISO 31000, risco é “o efeito da incerteza nos objetivos” e pode ser positivo ou negativo. LGPD é a incerteza, para você o risco é positivo ou negativo?

Além de mudanças em sistemas, a LGPD levará a um novo modelo de negócio, aqueles que simplesmente “cumprirem a lei”, chegarão em setembro em situação inferior pois haverá os mesmos sistemas com a limitação do uso de dados pessoais. Da mesma forma que há 18 anos atrás, existe a oportunidade de aproveitar a mudança compulsória e pensar em novos modelos de negócio e no melhor uso do ambiente digital. Na minha visão há pelo menos duas grandes oportunidades: uma de adequar os modelos de negócios para dados pessoais protegidos e outra em fortalecer a automatização da estrutura de controles e monitoramento (gestão de riscos, controles internos, compliance, auditoria).

Muitas organizações implementam controles internos, gestão de risco e compliance com baixa automatização, a maior parte utilizando planilhas ou sistemas que são basicamente uma planilha automatizada (adoro planilhas, tem um artigo em desenvolvimento sobre o tema). Existe uma grande oportunidade para aumentar a capacidade de controle e monitoramento a partir do uso de sistemas mais sofisticados, integrados e que usem a tecnologia atual, as organizações podem aproveitar o investimento que farão no atendimento à LGPD para melhorar e automatizar sua estrutura de controle e monitoramento.

Como será seu setembro de 2020? Terá os mesmos sistemas e modelos de negócio ou aproveitará a oportunidade para melhorar?

Na próxima quarta-feira dia 19/6 às 11h faremos o webinar gratuito “LGPD passo a passo”, quando apresentaremos uma abordagem pragmática sobre a implementação da LGPD.

Até lá, inscreva-se gratuitamente: https://lnkd.in/eV9SEam

Aquele abraço,

FNery.