GCN - Gestão de Continuidade de Negócios
 
topo-solucoes.png
 

GCN - Gestão de Continuidade de Negócios

Alinhado à norma ISO 22301:2012 - Societal security -- Business continuity management systems --- Requirements, padrão internacional que estabelece os requisitos para GCN - Gestão de Continuidade de Negócios ( BCM – Business Continuity Management ), o Módulo Risk Manager apoia a implementação de um sistema de Gestão de Continuidade de Negócios, provendo ferramentas para a criação e atualização dinâmica das informações referentes a políticas de GCN, Análise de Impacto no Negócio (BIA – Business Impact Analisys), análise de riscos (Risk Assesment), planos e procedimentos e acompanhamento de testes.

A partir da estrutura organizacional criada no Módulo Risk Manager, é possível identificar os elementos mais críticos para a organização, relacionar ativos e componentes de negócio críticos da organização,facilitando assim a construção de estratégias de continuidade e a elaboração de planos e procedimentos.

Como o Módulo Risk Manager pode ajudar sua organização com a GCN - Gestão de Continuidade  de Negócios:

• Integrar a visão de Riscos à de Continuidade;

• Inventariar a infraestrutura alvo da continuidade e ajudar a decidir pela melhor opção de estratégia de continuidade e recuperação de desastres;

• Cadastrar os planos que compõem a estratégia de continuidade;

• Atualizar dinamicamente os planos e procedimentos;

• Apoiar a realização de testes e simulações;

•  Promover uma infraestrutura segura de TI, em conformidade com as normas internacionais e as melhores práticas de mercado;

• Identificar e remediar vulnerabilidades e riscos; 

• Automatizar a coleta de dados, promovendo um ganho de produtividade; 

• Gerenciar e reduzir os riscos existentes em ativos tecnológicos;

• Criar consultas e relatórios para visualizar de forma rápida e objetiva as vulnerabilidades identificadas e suas características, facilitando a tomada de decisões e a priorização de melhorias;

• Importar as vulnerabilidades identificadas ; Importar automaticamente os ativos tecnológicos do inventário;

• workflow para tratamento dos riscos e vulnerabilidades identificadas

 

 



  Voltar   Topo

Comunidade